Caraguatatuba - SP

Além das praias muito freqüentadas na alta temporada (verão), oferece outros atrativos naturais procurados pelos adeptos do ecoturismo. As encostas da Serra do Mar permitiram a criação do Parque Estadual da Serra do Mar, que abrange parte do litoral norte até a divisa com o Rio de Janeiro e preservam a maior parte da Mata Atlântica. O Núcleo Caraguatatuba possui trilhas e piscinas naturais, e as visitas são feitas com guias.

Possui cerca de 40 km de praias, quase todas urbanizadas. As mais freqüentadas são as de Martin de Sá, Prainha, Indaiá, Cocanha e Tabatinga. Há ainda outros pontos turísticos como a Árvore Gigante, o Relógio do Sol, o Mirante do Santo Antonio (com pista de asa delta), Rio Juqueriquerê, Pedra da Freira, Ilha do Tamanduá, Pedra do Jacaré, Mirante da Chegada. E também os prédios do centro histórico podem ser visitados, Igreja Matriz de Santo Antônio, de 1847, Capela São Batista, Paróquia de São João Batista e Capela Santa Cruz.

O clima na região é Tropical, quente e úmido, com temperatura média de 28ºC.

Caraguatatuba é um dos quinze municípios paulistas considerados estâncias balneárias pelo estado de São Paulo, por cumprirem determinados pré-requisitos definidos por Lei Estadual.Também, o município adquire o direito de agregar junto a seu nome o título de Estância Balneária, termo pelo qual passa a ser designado tanto pelo expediente municipal oficial quanto pelas referências estaduais.Caraguatatuba é vocábulo indígena que, segundo Silveira Bueno, significa "lugar de muitos caraguatás", ou seja, caraguatal, caraguatazal. Do tupi caraguatá: caraguatá; e tyba: abundância, grande quantidade.

Como chegar

As principais vias de acesso são a BR-101 (Rodovia Rio-Santos) e a SP-99 (Rodovia dos Tamoios).

Distâncias: São Paulo: 180 km, São Sebastião: 28 km, Maresias: 57 km, São José dos Campos: 92 km, Moji das Cruzes: 143 km, Ilha Bela: 34 km, Rio de Janeiro: 397 km, Paraty: 110 km